Agora Esportes

As principais notícias do esporte

História do Goiás Esporte Clube

O Goiás Esporte Clube nasceu em 6 de abril de 1943, no Centro de Goiânia, em um encontro de amigos, que tinham o sonho de organizar um time de futebol. No ano seguinte, a equipe ficou com o terceiro lugar no Campeonato Goiano, o primeiro da história, superada somente pelas duas principais forças da época, Atlético e Goiânia. O primeiro título aconteceu em 1951, perdido depois de impasse na Justiça para o Goiânia.

O primeiro jogo do clube foi disputado contra o Atlético Goianiense. Sem dinheiro, o novo time optou por vestir camisas com listras horizontais em verde e branco, doadas pelo América Mineiro. No entanto, os mineiros somente puderam emprestar nove camisas e o restante do time usou camisas brancas. O jogo ocorreu no Estádio Olímpico, na Avenida Paranaíba. Entretanto, o time costumava treinar em um campo de terra terra anexo ao estádio da Avenida Paranaíba, e mandava seus jogos no campo de grama do antigo Olímpico.

Em 1960, a diretoria adquiriu um terreno em uma área chamada Fazenda Macambira, que atualmente é a sede da Serrinha, onde está erguido o Estádio Hailé Pinheiro, entre outras benfeitorias. A região é na atualidade um dos pontos mais nobres e valorizados de Goiânia. O ponto mais alto da década foi a primeira conquista, o Campeonato Goiano de 1966 com apenas uma derrota na campanha.

Atualmente, o Verdão é o maior vencedor do estado e da região Centro-Oeste, somando 26 títulos. Nos anos seguintes, o clube passou a dominar os desafios regionais e ganhou destaque em campeonatos nacionais. Em 1971 e 1972, a equipe conseguiu seu primeiro bicampeonato estadual. Na temporada seguinte, o time virou o primeiro do estado a jogar o Campeonato Brasileiro, estreando contra o Olaria, no Rio de Janeiro, em 26 de agosto de 1973.

História do Goiás
FOTO: site oficial do Goiás Esporte Clube

Resumo da História do Goiás Esporte Clube

A década terminou, em termos de títulos, com a conquista de mais um bicampeonato estadual, em 1975 e 1976. Nos anos de 1980 o Verdão ganhou mais cinco títulos estaduais, inclusive o terceiro bicampeonato, 1986 e 1987. Essa também foi a década em que o Esmeraldino comprou a área onde agora se encontra o Centro de Treinamento, oportunizando ao time uma das melhores estruturas do Brasil.

Os anos 1990 começaram com um título estadual e o vice-campeonato da Copa do Brasil, ambos em 1990. Logo depois, em 1991, o Goiás conquistou o, então, inédito tricampeonato goiano. E outros cinco títulos estaduais ainda foram levantados naquela década, incluindo um pentacampeonato estadual, obtido com as conquistas entre 1996 e 2000. A galeria de taças foi ampliada com o troféu do Brasileiro da Série B, o primeiro título nacional, em 1999.

Em 1997, o clube foi oficialmente incluído no chamado Clube dos 13, a associação das maiores agremiações de futebol do País. Em 2000, o clube finalizou a campanha do pentacampeonato estadual e iniciou a caminhada para a conquista do tricampeonato na Copa Centro-Oeste, vencendo a competição em 2000, 2001 e 2002. A primeira década do Século 21 viu ainda a vitória em outros quatro títulos goianos, incluindo o bicampeonato, em 2002 e 2003.

Em 2005, a equipe efetuou uma excelente equipe no Brasileirão e ficou com o terceiro lugar, conquistando vaga inédita para a Libertadores da América, na temporada seguinte. O Esmeraldino voltou a ter destaque internacional quatro anos depois, quando alcançou ad decisão da Copa Sul-Americana, ficando com o vice depois de perder nos pênaltis para o Independiente, da Argentina. Nos últimos anos, o periquito venceu o Estadual e novamente a Série B, em 2012, o segundo título nacional do clube.

Torcedores símbolos na História do Goiás
FOTO: quadro na Serrinha em homenagem a seu Goiás e tia Fia. Reprodução YouTube.

Hino oficial

EU SOU GOIÁS ESPORTE CLUBE

EU SOU GOIÁS, EU SOU GOIÁS E VOU VIBRAR

ATÉ O PEITO ME DOER,

ATÉ PERDER A VOZ EU SOU GOIÁS

EU SOU GOIÁS ATÉ MORRER

EU SOU GOIÁS, EU SOU GOIÁS DE CORAÇÃO

CADA VEZ NOSSA TORCIDA CRESCE MAIS

ETERNAMENTE SEREI GOIÁS

NOSSO CLUBE É A NOSSA GLÓRIA

A NOSSA GARRA, NOSSA GENTE, NOSSA HISTORIA

O AMOR PELA NOSSA BANDEIRA É PARA NÓS A MAIOR VITÓRIA

 

NOSSO CLUBE É A NOSSA GLÓRIA

NOSSA GARRA, NOSSA GENTE, NOSSA HISTÓRIA

A VIDA TODA EU VOU TORCER

EU SOU GOIÁS, GOIÁS ATÉ MORRER

EU SOU GOIÁS ESPORTE CLUBE

EU SOU GOIÁS, EU SOU GOIÁS E VOU VIBRAR

ATÉ O PEITO ME DOER,

ATÉ PERDER A VOZ EU SOU GOIÁS

EU SOU GOIÁS ATÉ MORRER

EU SOU GOIÁS, EU SOU GOIÁS DE CORAÇÃO

CADA VEZ NOSSA TORCIDA CRESCE MAIS

ETERNAMENTE SEREI GOIÁS

CADA VEZ NOSSA TORCIDA CRESCE MAIS

ETERNAMENTE SEREI GOIÁS

Ídolos do Verdão

Fernandão, Ídolo do Goiás Esporte Clube
FOTO: site oficial do Goiás Esporte Clube

A história do Goiás é recheada de nomes de atletas que se destacaram, mas alguns jogadores atingiram números impressionantes como Araújo (145 gols), Dill (133 gols), Lincoln (112 gols) e Fernandão (108 gols). ALém disso, Túlio Maravilha em 1989, Dill em 2000, Dimba em 2003 e Souza em 2006 foram goleadores do Campeonato Brasileiro com a camisa do Esmeraldino.

Patrimônio do Esmeraldino

O Goiás possui um patrimônio considerável e a lista contempla o Complexo da Serrinha e estádio Hailé Pinheiro, com capacidade para 13 mil torcedores, ginásio coberto para três mil pessoas, estrutura completa para concentração dos atletas, dois campos de treinamento para a Escolinha de Iniciação Esportiva; 1 piscina de 25m semi-olímpica, estacionamento, duas quadras de areia, pista de atletismo e área para eventos sociais.

Estrutura do Goiás Esporte Clube
FOTO: site oficial do Goiás Esporte Clube

O Centro de Treinamento Edmo Pinheiro do Goiás Esporte Clube comporta o elenco profissional e categorias de base com oito campos com medidas oficiais, Casa do Atleta para receber 32 jogadores de base, academias para os grupos principal e de base e piscina semi-olímpica aquecida para trabalhos aquáticos do elenco profissional do verdão da serra.

Categoria de Base do Goiás
FOTO: site oficial do Goiás Esporte Clube

O clube ainda possui uma área também destinada à realização de treinos, chamada CT Coimbra Bueno, situada na avenida Mal. Rondon, 1008-1144, no Jardim Buriti Sereno, em Aparecida de Goiânia, região da grande Goiânia.

Escudo do Goiás

O escudo oficial do verdão foi desenvolvido com as cores oficiais: branco e verde, bem como a data de fundação (6 de abril de 1943) na parte debaixo do emblema. O nome completo, Goiás Esporte Clube, possui muito destaque no escudo e coroa a letra G em grande escala e na posição central.

Escudo do Goiás Esporte Clube
FOTO: escudo oficial do Goiás Esporte Clube

Mascote do Verdão

Mascote do time do Goiás
Foto: Rosiron Rodrigues / GEC)

Segundo o site oficial do Esmeraldino, o mascote é o Periquito que aparece em diversos eventos sociais ligados ao clube, nos jogos realizados em casa com a intenção de animar a torcida e divertir os pequenos torcedores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *