Agora Esportes

As principais notícias do esporte

Chelsea inicia conversas para contratar Pochettino, afirma emissora


Crédito: Reprodução/Twitter/PSG

O Chelsea ainda não confirmou quem será o comandante do time na próxima temporada. Por enquanto, quem está no cargo de forma interina é o ídolo Frank Lampard, que fez história no clube como jogador nas últimas duas décadas. Contudo, ele não deve permanecer após o encerramento da Premier League.

A imprensa europeia tem citado alguns nomes que estariam sendo analisados pelo Chelsea, casos de Luis Enrique, Julian Nagelsmann e Mauricio Pochettino. Entretanto, com a chegada de Lampard, a equipe passou a fazer um exame melhor nas opções, visando a contratação somente a partir do início da pré-temporada.

A “Sky Sports” afirmou nessa quinta-feira que o Chelsea teria iniciado conversas com o argentino Mauricio Pochettino. O ex-técnico do Tottenham está desempregado desde a demissão do PSG, no final da temporada 2021/22.

O jornal ainda indica que Pochettino teria sido abordado pelo Real Madrid no passado e também teria recusado várias ofertas nos últimos meses. O argentino conta com vários admiradores na Inglaterra, inclusive tendo sido cogitado para assumir o cargo de técnico do Chelsea após a demissão de Thomas Tuchel.

Ex-jogador inglês defendeu contratação de Pochettino pelo Chelsea

O comentarista da Sky Sports e ex-jogador do Manchester United, Gary Neville, defendeu a contratação do argentino, apontando-o como a melhor opção no momento, tendo em mente os jogadores que foram contratados pelos Blues. Confira o que ele falou no início desse mês:

“Com base no que Todd Boehly disse, o Chelsea fez seus gastos pelos próximos três anos, além de contratar um centroavante. Se eles nomearem Zinedine Zidane, Luis Enrique ou Diego Simeone, vão querer mais £ 300 milhões, pois não vão gostar de alguns dos jogadores que contrataram anteriormente. Eles têm que nomear um técnico que vai herdar e gostar do time que eles têm, muitos deles são jovens e acho que esse homem é Mauricio Pochettino”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *