Agora Esportes

As principais notícias do esporte

Corinthians recebe sondagens e pode perder Maycon para a Europa

maycon corinthians volante shakhtar emprestimo europa

Crédito: Reprodução / Instagram

O Corinthians pode perder de maneira prematura o volante Maycon, de 25 anos, que está emprestado pelo Shakhtar Donetsk (UCR) até o final do ano. Isso porque o astro tem recebido seguidas sondagens de clubes da Europa e uma eventual transferência é vista com bons olhos pelos ucranianos.

Segundo o jornalista Jorge Nicola, o jogador tem sido observado de perto por equipes de Portugal, Itália e Inglaterra. Ainda não há nada concreto, uma vez que nenhuma dessas agremiações chegou a fazer, de fato, uma proposta oficial. No entanto, os representantes do jovem acreditam que isso poderá acontecer a partir desta segunda-feira (1º).

O presidente do Corinthians, Duílio Monteiro Alves, já havia comentado sobre a possibilidade de perder o atleta no mês passado. Em conversa com a imprensa, o cartola disse que não tinha controle da situação e que teria de aguardar até a abertura da janela de transferências, promovida no primeiro dia de julho.

Situação do Shakhtar complica o Corinthians

A ideia de negociar o Maycon é encarada pelo Shakhtar Donetsk como uma possibilidade de lucrar em meio à crise enfrentada no país. Os conflitos entre Ucrânia e Rússia já duram mais de cinco meses, deixando mais de 20 mil mortos e danos graves à infraestrutura local. Por conta disso, a liga nacional de futebol está paralisada desde fevereiro.

“Se pintar uma proposta oficial, por exemplo, do Benfica, o Shakhtar vai ter a possibilidade de colocar dinheiro em caixa num momento extremamente difícil (…) e também vai poder permitir ao Maycon que volte a ganhar seu salário nível europeu. Maycon abriu mão de, mais ou menos, 90% dos vencimentos (para jogar no Brasil)”, disse Nicola.

O volante tem 18 partidas disputadas pelo Corinthians nesta terceira passagem. Ele foi titular em oito das dez rodadas em que foi relacionado no Brasileirão Série A e tem dois gols feitos na Libertadores, ambos contra o Boca Juniors na fase de grupos. Ele esteve presente na derrota por 2×0 contra o Atlético-GO na ida das quartas da Copa do Brasil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *