28 de novembro de 2021

Agora Esportes

As principais notícias do esporte

É oficial: Cristiano Ronaldo no Manchester United!

À primeira vista, a sexta-feira começou com uma projeção de novela envolvendo o português e o seu futuro, sobretudo, devido às entrevistas coletivas realizadas ao longo do dia. Mas, agora é oficial: Cristiano Ronaldo no Manchester United novamente!

Aos 36 anos, o craque português foi confirmado pelo clube inglês. Ele acertou um acordo com duas temporadas após passar por exames clínicas, além da definição de algumas pendências referentes ao seu visto de trabalho.

Detalhes da negociação

Assim, o Manchester precisou arcar com € 15 milhões (R$ 92 milhões). Além disso, a equipe da Premier League pagará mais € 8 milhões (R$ 49 milhões) em bônus para compensar a Juventus, da Itália, que não liberaria o português gratuitamente. A quantia mínima garantida ao time italiano é de € 20 milhões (R$ 122 milhões), segundo o GE.

A confirmação de Cristiano Ronaldo no Manchester colocou fim ás pretensões do rival Manchester City. Afinal, o português teve seu nome ligado a equipe comandada por Pep Guardiola nesta semana, e teria deixado muito claro que estava determinado a sair do clube italiano.

Até essa quinta-feira, o City despontava como único clube na briga pelo acerto. Entretanto, o cenário se reverteu em um curto espaço de tempo. A sexta iniciou com o atleta passando no Centro de Treinamento da Juventus somente para se despedir dos antigos companheiros de time antes do horário determinado para a última atividades antes do jogo válido pelo Campeonato Italiano.

Enquanto CR7 viajava para Lisboa, em Portugal, para resolver a sua situação, o treinador Massimiliano Allegri foi o primeiro a formalizar os rumores. Em entrevista coletiva, ele afirmou que o próprio Cristiano lhe disse que não gostaria mais de atuar pela Juv. A partir daí, ele foi dispensado do treino e, consequentemente, do jogo deste final de semana.

Situação em Manchester antes do anúncio oficial

Logo depois, quando muitos esperavam que o Manchester City se movimentasse para fechar o negócio, Guardiola também falou com a imprensa e indicou que um acordo com o craque português não estava tão perto assim. Ao mesmo tempo, o técnico do Manchester United, Ole Günnar Solskjaer também conseguiu uma coletiva e se mostrou disposto a receber CR7.

Portanto, a reviravolta ganhou o mundo. A informação que o empresário Jorge Mendes estava negociando não somente com o City, bem como com o Manchester United, se confirmou. O clube de Guardiola, então, preferiu desistir formalmente da transação.

Ou seja, o clube praticamente facilitou o trabalho do United de convencer Cristiano Ronaldo a retornar para o seu antigo time. Em pouco tempo, o United formulou e encaminhou uma oferta oficial para o jogador, válida pelos próximos dois anos. Por último, o United também enviou uma proposta de compensação financeira para a Juventus.

Confirmação de Cristiano Ronaldo no Manchester United

“Manchester United tem o prazer de confirmar que o clube chegou a acordo com a Juventus para a transferência de Cristiano Ronaldo, sujeito a acordo de termos pessoais, visto e médico.

Cristiano, cinco vezes vencedor da Bola de Ouro, ganhou até agora mais de 30 troféus importantes durante sua carreira, incluindo cinco títulos da Liga dos Campeões da UEFA, quatro Copas do Mundo de Clubes da FIFA, sete títulos da liga na Inglaterra, Espanha e Itália, e a Eurocopa com Portugal.

Em sua primeira passagem pelo Manchester United, ele marcou 118 gols em 292 jogos. Todos no clube estão ansiosos para receber Cristiano de volta a Manchester”, diz a nota que oficializou a volta de Cristiano Ronaldo no Manchester United.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *