Agora Esportes

As principais notícias do esporte

entenda por que o Timão espera o “fim do mês” para negociar Coutinho


Criador: Shaun Botterill | Crédito: Getty Images Direitos autorais: 2022 Getty Images

Crédito: Criador: Shaun Botterill
|
Crédito: Getty Images
Direitos autorais: 2022 Getty Images

Philippe Coutinho não faz mais parte dos planos do clube inglês que representa, portanto, uma saída para o time brasileiro se torna uma grande possibilidade. Embora existam diversos clubes interessados, o Corinthians hoje conta com um plano específico para a sua contratação, segundo aponta o repórter Gabriel Carneiro do UOL Esporte, confira detalhes.

O clube Alvinegro pretende usar um modelo que já funcionou quando garantiu a contratação de Willian em 2021. Segundo informações de Gabriel Carneiro, seria importante convencer o atleta e a família sobre a possibilidade de atuar no futebol brasileiro, além de garantir que jogará como titular.

Por outro lado, um dos quesitos que podem favorecer a contratação do meio-campista é a chance de cair no gosto da torcida e receber um tratamento de ídolo, muito diferente da sua situação atual no Aston Villa. Entretanto, o plano do atleta é ainda procurar espaços na Europa, embora o empresário Kia Joorabchian não descarte que seu agenciado possa retornar ao futebol brasileiro.

Outro detalhe, é que o Timão aguarda o final do mês de janeiro para saber se as suas receitas serão suficientes para a contratação do meio-campista em 2023, e inclusive se terá ajuda externa para o pagamento dos valores. Embora seja um sonho de consumo, por enquanto não há uma urgência da Diretoria do Corinthians para preencher algum espaço no seu elenco.

O que falta para a contratação?

Primeiramente, o Aston Villa comprou o jogador do Barcelona há menos de um ano por um exorbitante valor de R$100 milhões. Além disso, o assinou até 2026 e embora não tenha se firmado, o clube da Premier League não pretende rescindir, se não vender para recuperar o máximo de investimento possível, e inclusive emprestar.

Com a janela de inverno para transferências internacionais na Europa aberta até o dia 31 de janeiro, na Inglaterra. Então existe um problema de tempo para a contratação do jogador.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *