Agora Esportes

As principais notícias do esporte

Mbappé não quer Al-Hilal e deseja seguir na Europa

 


Foto de Mbappé em campo pelo PSG para ilustrar o craque francês que não teria interesse em jogar pelo clube da Arábia Saudita Al Hilal e deseja permanecer no futebol europe

Crédito: Julian Finney/Getty Images

A novela de Mbappé no PSG parece ganhar mais um capítulo e está tomando ares de drama. Segundo Fabrizio Romano e veículos da imprensa espanhola, o craque francês não vai aceitar os quase 200 milhões de euros (cerca de R$ 1 bilhão) para ser a nova estrela da liga saudita e jogar no Al Hilal.

De acordo com o jornalista italiano, Mbappé não conversa com o clube árabe para certar uma possível transferência. Assim, ainda que o PSG tenha de fato aceitado a proposta de 300 milhões de euros (R$ 1,5 bilhão, aproximadamente), a negociação não pode ser sacramentada sem a concordância do jogador.

De acordo com o site espanhol ‘Relevo’ e o jornal espanhol ‘As’, o craque francês preferiria até mesmo cumprir punições do PSG e permanecer sem atuar até o final de seu contrato do que jogar no futebol da Arábia Saudita. Porém, mesmo afastado, o francês tem milhões a receber do Paris Saint-Germain.

Sem intenção de ir para o Al Hilal, Mbappé ainda vai receber ‘bolada’ do PSG

Mesmo se a hipótese do craque francês ficar afastado durante todo o restante de seu contrato e não ir para o clube árabe, não haveria riscos de ‘necessidade’. O atual vínculo do atacante com o clube parisiense garante o pagamento de mais 100 milhões de euros (cerca de R$ 524 milhões) em salários. Além disso, uma cláusula de fidelidade seria ativada devido ao fato do jogador permanecer no clube na temporada que vai se iniciar, rendendo mais 80 milhões de euros (por volta de R$ 419 milhões) a Mbappé.

Desta maneira, segue a novela envolvendo o craque francês do PSG na janela de transferências. Com atacante mirando uma ida ao Real Madrid, o Paris Saint-Germain precisa de uma solução para a situação do jogador que tem contrato se encerrando e pode sair de graça. Diante disso, uma proposta abaixo do esperado pode ser aceita para reduzir prejuízos. Ao que tudo indica, a novela se prolongará até o dia final da janela de transferências do mercado da bola.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *