Agora Esportes

As principais notícias do esporte

Proposta do Benfica por Nathan Silva não agrada, e Atlético-MG impõe condições para negociar o zagueiro

Crédito: Pedro Souza/ Atlético-MG

Antes de mais nada, o Benfica recebeu uma proposta do Benfica pelo zagueiro Nathan Silva. A oferta dos portugueses é de empréstimo até junho de 2022, com opção de compra dos direitos econômicos ao término do contrato.

O Torcedores.com apurou que o Atlético-MG trata o assunto com cautela. Afinal, o defensor está valorizado no mercado da bola após ser um dos destaques do time na conquista da Série A do Campeonato Brasileiro.

A primeira proposta do Benfica para ter Nathan Silva foi descartada pelo Atlético-MG: 300 mil euros (R$ 1,9 milhão, pela cotação atual) pela cessão até o fim da temporada europeia. E 5 milhões de euros (R$ 31,6 milhões) pelos direitos econômicos.

Ainda segundo apurou a reportagem, a diretoria alvinegra não tem interesse em emprestar o atleta que iria para o clube para o lugar de Lucas Veríssimo que se recupera de grave lesão no joelho direito. Dessa forma, o Galo espera uma nova oferta do Benfica nos próximos dias.

Sem fechar as portas para uma possível negociação, o Atlético-MG não aceita iniciar conversas por menos de 10 milhões de euros (R$ 63,3 milhões). Caso o Benfica não mude a modalidade de acordo, as conversas serão encerradas.

Enquanto isso, o Atlético-MG tem todas as atenções voltadas para a contratação de um novo técnico para esta temporada. Até lá, nenhum jogador deve ser negociado salvo se surgir uma “oportunidade de negócio”. Além do Benfica, Nathan Silva também interessa a Lazio e Napoli, ambos da Itália.

A carreira de Nathan Silva

Cria da base, Nathan Silva chegou no Atlético-MG em 2014. Três anos depois, fez sua estreia com a camisa atleticana. Contudo, nunca conseguiu se firmar realizando apenas uma partida no time principal em 2017.

Posteriormente, o volante, que também atua como zagueiro, deixou o clube para adquirir experiência. Nesse ínterim, teve passagens destacadas pela Ponte Preta, Coritiba e Atlético-GO. Atualmente, ele é considerado um dos melhores jogadores da posição no Brasileirão.

Na última temporada, por exemplo, ele disputou 35 partidas pelo Galo, sendo seis na Copa Libertadores da América, 28 no Campeonato Brasileiro e uma no Campeonato Mineiro. Além disso, integrou o elenco que venceu o Brasileirão de 2021.

LEIA MAIS: 

Atlético-MG não deve exercer opção de compra e planeja devolver Tchê Tchê ao São Paulo; entenda 

Jorge Jesus recusa oferta milionária de clube do Oriente Médio e acende alerta para Atlético-MG 

Jorge Jesus no Atlético-MG: Diretoria espera novo técnico para planejar reforços para 2022 

Jorge Jesus no Atlético-MG: Técnico recebe sondagem do Oriente Médio em meio a conversas com o Galo 

CBF homenageia Remo e Bahia, e internautas fazem cobrança inesperada 

7 técnicos disponíveis no mercado que cabem no orçamento do Cruzeiro 

Copa do Mundo, Série A e mais: 9 torneios para ficar de olho em 2022 

Série A: 18 clubes já definiram o treinador para 2022; saiba quais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *