Agora Esportes

As principais notícias do esporte

Renato Gaúcho é sincero sobre saída de Adriel do Grêmio para o Bahia: “Ninguém vai segurar”


Crédito: Wagner Meier/Getty Images

O técnico Renato Gaúcho, do Grêmio, participou de uma entrevista coletiva ontem (21), onde deu maiores detalhes sobre o futuro do goleiro Adriel. Segundo o treinador, o atleta está sendo transferido para o Bahia.

O arqueiro perdeu espaço no Imortal devido a um ato de indisciplina. No banco de reservas, Adriel optou por deixar o clube ao receber uma proposta do Esquadrão de Aço.

“O Adriel é mais um jogador, como vários. Nos últimos 50 dias, saíram 6, 7 jogadores. O clube não manda ninguém embora, a não ser que apronte. Se o jogador tem um negócio melhor lá fora, como aconteceu com outros, ninguém vai segurar aqui contra a vontade. Se apareceu uma coisa boa que ele achou ser importante para ele, sim, ele foi liberado, como os outros também. Não adianta segurar um jogador contra a vontade. O último foi o Vina, que foi liberado. Outros também. Apareceu a oportunidade, e ele pediu para ser liberado. Foi liberado. Amanhã, se jogador quiser sair, vai sair. Ninguém vai segurar. Se tem coisa melhor lá fora, fique à vontade. O Grêmio é muito grande. Se aparecer outro como ele (Adriel), sem problema algum. Quer tentar novos ares… ninguém vai segurar contra a vontade.”, explicou Renato.

O técnico gremista comentou sobre a sua admiração por Adriel, mas destacou que o atleta está saindo devido a sua conduta. Renato desejou boa sorte ao arqueiro em seu novo clube.

“Sem esconder a decepção que teve com o atleta, Renato desejou sorte a ele no novo desafio: “O treinador ajuda todo mundo. Eu ajudo todo mundo. O jogador precisa se ajudar. Eu gosto muito do Adriel, como pessoa e jogador. Essa pergunta você precisa fazer para ele. O motivo de estar saindo do Grêmio. Essa pergunta tem que fazer para ele. O treinador segura até o limite. É a mesma coisa do Suárez. Tem coisa que vocês não sabem. Tem muita coisa que vocês não sabem sobre o Adriel, e a gente segura. Apareceu um bom negócio para ele, segue a vida. Ele vai ser emprestado. Cabe a ele mostrar lá fora também. Qualidade ele tem. Mas foi ajudado. Muitas vezes. Então não posso ficar eu, como treinador, ficar do lado de um jogador que muitas vezes está errando, quase que diariamente, e perder o grupo. Então eu fiz o possível para ajudar. E vou desejar toda a sorte do mundo. Ele tem 21 anos. Espero que nessa ida para o Bahia ele repense nas coisas. Ele já assumiu que errou várias vezes, pedindo desculpas. Mas apareceu um bom negócio para ele. Que tenha toda a sorte do mundo. Continua jogador do Grêmio.”, finalizou.

O Grêmio estará em campo neste sábado, em um duelo contra o Atlético-MG, pelo Brasileirão. O jogo acontecerá na Arena, em Porto Alegre, com início programado para às 21h, no horário de Brasília.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *