26 de outubro de 2021

Agora Esportes

As principais notícias do esporte

Atlético-MG bate o Fluminense e larga na frente na Copa do Brasil

O Atlético-MG conseguiu se impor jogando no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ) na noite desta quinta-feira. O Galo venceu por 2 a 1 pelo duelo de ida das quartas de final da Copa do Brasil.

Nacho e Hulk fizeram os gols dos mineiros, que podem empatar no jogo da volta. Fred descontou para o Fluminense.



Mais vídeos em
videos.gazetaesportiva.com

O jogo –  primeiro tempo foi de forte emoção. Mas com o Galo ligeiramente superior a maior parte da etapa inicial. O time mineiro assustou primeiro aos oito minutos, quando Hulk avançou em contra-ataque e chutou sobre o gol. A resposta do Fluminense dois minutos depois, com chute de Luiz Henrique defendido por Everson, enganou quem esperava equilíbrio.

Logo o Galo dominou as ações. Tanto que abriu o placar aos 13 minutos. Vargas cruzou, Nacho Fernández escorou para o gol e Nino tentou salvar em cima da linha. Mas a bola entrou. O árbitro gaúcho Anderson Daronco só validou o gol com ajuda do VAR.

Mesmo com a vantagem o Atlético seguiu mais perigoso. Aos 20 quase ampliou em cabeçada de Guga, após creuzamento de Savarino.

Somente a partir dos 30 minutos o Fluminense equilibrou e assustou, com cabeçada de Nino, que o goleiro do Galo defendeu. Aos 41 minutos o VAR voltou a entrar em campo, mas dessa vez para dar origem ao gol do Fluminense. Arana derrubou Nino na área. Fred cobrou o pênalti e se igualou a Romário como maior artilheiro da história da Copa do Brasil. Ambos têm 36 gols.

A alegria do Fluminense durou pouco. O Galo voltou a ficar em vantagem aos 48 minutos. Hulk tabelou com Savarino, se livrou de André e deslocou Marcos Felipe.

Na volta do segundo tempo o Galo seguiu mais perigoso. Aos quatro minutos, Nacho recebeu na área, mas chutou sobre o gol. Aos 25 minutos foi a vez de Marcos Felipe salvar um chute de Arana que tinha endereço certo. Nem mesmo com a estreia de Arias o Tricolor fazia frente aos mineiros.

Mas quem tem Fred em campo sempre assusta. Aos 31 minutos o atacante acertou o travessão de Everton após cabeçada em cobrança de escanteio. Nos minutos finais o Fluminense ainda tentou na base do abafa. Mas o placar não mudou.

Como o jogo de volta só será em 15 de setembro, as duas equipes se concentram agora no Brasileirão. O Fluminense recebe o Bahia na próxima segunda-feira, às 19h(de Brasília), no Maracanã.Já o Galo, um dia antes, no domingo, às 20h30(de Brasília), tem uma pedreira. Vai a Bragança Paulista (SP) duelar com o Bragantino.

FICHA TÉCNICA:
FLUMINENSE 1 X 2 ATLÉTICO-MG

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 26 de agosto de 2021, quinta-feira
Hora: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (RS) e Michael Stanislau (RS)
VAR: Daniel Nobre Bins (RS)
Cartões amarelos: Fred e Lucca (Fluminense) e Alan (Atlético)
Gols:
FLUMINENSE: Fred aos 41 minutos do 1º Tempo
ATLÉTICO-MG: Nacho aos 13 e Hulk aos 48 minutos do 1º Tempo

FLUMINENSE: Marcos Felipe, Samuel Xavier, Nino, Luccas Claro e Egídio; André, Martinelli (Nonato) e Yago (Nenê); Luiz Henrique (Arias), Lucca (Gabriel Teixeira) e Fred (Bobadilla)
Técnico: Marcão

ATLÉTICO-MG: Everson, Guga, Igor Rabello, Junior Alonso e Guilherme Arana; Alan (Rever), Nacho (Tchê Tchê) e Zaracho; Savarino (Nathan), Hulk (Eduardo Sasha) e Vargas (Keno)
Técnico: Cuca

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *