17 de outubro de 2021

Agora Esportes

As principais notícias do esporte

Tyson Fury nocauteia Deontay Wilder em trilogia e mantém cinturão dos pesados da WBC – MMA Brasil

2 min read
Tyson Fury nocauteia Deontay Wilder em trilogia e mantém cinturão dos pesados da WBC - MMA Brasil

Por Matheus Costa | 10/10/2021 02:10

A trilogia se encerrou em grande estilo. Tyson FuryDeontay Wilder protagonizaram mais uma grande luta repleta de emoções do começo ao fim, mas assim como no segundo confronto, o resultado se repetiu. O campeão dos pesados da WBC superou dois knockdowns sofridos no terceiro round e nocauteou o ex-campeão no décimo primeiro assalto para manter o título em seu ombro.

+ Ryan Garcia enfrenta Joseph Diaz Jr em novembro

Depois de dois rounds iniciais com ritmo normal, a luta ganhou capítulos de emoção a partir do terceiro assalto. Fury engajou com Wilder no clinch e surpreendeu com um cruzado de direita, que deixou o desafiante tonto. Após um uppercut, Deontay foi à knockdown. Já no round seguinte, foi a vez do “Bronze Bomber” crescer na luta e conseguir dois knockdowns contra o campeão, que sentiu bastante e foi salvo pelo gongo.

+ Apoie o MMA Brasil e colabore com o jornalismo independente

No entanto, Fury novamente mostrou o seu poder de recuperação e passou a dominar o confronto a partir do quinto assalto da luta, principalmente pelo péssimo condicionamento físico de Deontay Wilder a partir daquele ponto. As combinações do campeão e o ótimo uso do clinch, que contribuiu para o cansaço do “Bronze Bomber” e lhe deu a oportunidade de acertar diversos uppercuts, fez com que o campeão tomasse as rédeas e sobrasse no combate até a interrupção.

Depois de somar mais um knockdown no décimo round contra Wilder, que já estava exausto e visivelmente entregue no combate, Fury finalizou os trabalhos no décimo primeiro assaltou da luta ao acertar um cruzado de direita que mandou Deontay ao chão já apagado. O árbitro central sequer abriu a contagem e interrompeu o confronto imediatamente. Pelo resultado oficial, Tyson Fury (31-0-1, 23 KOs) venceu Deontay Wilder (42-2-1, 41 KOs) por nocaute aos 1:10 do décimo primeiro round.

Foto: Top Rank Boxing/Divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *