17 de outubro de 2021

Agora Esportes

As principais notícias do esporte

GP da Bélgica de Fórmula 1 acontece neste final de semana

3 min read
GP da Bélgica de Fórmula 1 acontece neste final de semana

Foto: Reprodução / Twitter OFicial Formula 1

Após uma paralisação de três semanas no calendário, a principal modalidade do automobilismo mundial está de volta! O GP da Bélgica de Fórmula 1 ocorre neste fim de semana. O segundo colocado no torneio, o holandês Max Verstappen está ciente do favoritismo dos carros da Mercedes, sobretudo, Lewis Hamilton.

Acima de tudo, o piloto de 23 anos afirmou que as retas gigantescas de Spa-Francorchamps podem prejudicar o rendimento da sua equipe. Atualmente, ele está oito pontos atrás do rival na tabela de classificação.

“Eles foram muito rápidos na Hungria e vão ser de novo aqui. Historicamente, por conta das grandes retas, a pista não nos favorece muito. Recuperamos neste quesito, mas ainda não chegamos lá”, afirmou.

Nos últimos eventos que antecederam a pausa de verão da F1 neste ano, Verstappen observou Hamilton reduzir a distância sobre ele de quase 40 pontos, subir de nível e tomar a liderança da temporada com oito pontos a frente. “Está tudo muito equilibrado. As duas últimas corridas foram de vantagem para a Mercedes, mas também sabemos que outras coisas estão por vir”, afirmou.

Agosto e setembro promete fortes emoções na F1

Além disso, o GP da Bélgica de Fórmula 1 significa a primeira de uma rodada de três provas entre os meses de agosto e setembro. Depois do GP da Bélgica da Fórmula 1, a categoria avançará para a Holanda, uma sede nova, partindo para a Itália em 12 de setembro.

Por isso, o vice-líder reforçou que a situação pode estar bem diferente na próxima corrida. “Só vamos ver como vai ser quando a gente correr, também levando em conta o clima. Pode chover”, declarou.

Mick Schumacher homenageia o pai no GP da Bélgica de Fórmula 1

Para relembrar às três décadas da estreia de Michael Schumacher na categoria, que aconteceu no GP da Bélgica de Fórmula 1 em 1991, o filho Mick usará uma réplica do capacete utilizou pelo pai naquela ocasião para realizar a prova neste fim de semana.

Contudo, o alemão adotou esse modelo de capacete no período em que faturou os seus primeiros título, em 1994 e 1995, conservando-o até 2000, quando passou a usar um design com predominância da tonalidade vermelha.

Como parte de um documentário para resgatar os 30 anos desse momento, o piloto de 22 anos experimentou no último mês em Silverstone o primeiro carro do pai, um Jordan 191, e demonstrou toda a ansiedade para chegar logo ao GP da Bélgica de Fórmula 1, da onde também possui boas recordações.

“Agora estou na Fórmula 1 e isso foi 30 anos depois que meu pai fez sua estreia. É um momento muito especial para mim e minha família, e estou muito feliz por colocar minha marca nessa pista também. Spa é minha favorita, em qualquer circunstância. Foi o palco da minha primeira vitória na Fórmula 3 em 2018 e também a minha primeira pole position”, afirmou Mick Schumacher.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *